Xiuuu! Não digas nada…

À cinco anos atrás eras o meu mundo, eras tudo o que me fazia bem, que me completava e melhorava e de um momento para o outro pufff… Nem um telefonema, nem uma mensagem, nem uma explicação, simplesmente nada. Continuar a ler “Xiuuu! Não digas nada…”

Anúncios

Inexplicável!

Este amor que te tenho é inexplicável. É directamente proporcional ao tamanho da frase que eventualmente o descreve, ou de uma poesia inacabada que teima constantemente em achar a rima perfeita enquanto é vivido. Continuar a ler “Inexplicável!”