Era…

Era negra a solidão da madrugada escura,
Era a sede e a fome, e tu foste a fruta.
Era desejo de morrer e tu cicuta,
Era o desafio e a desolação, e tu foste a cura.

Era perdida e tu foste o meu caminho,
Era breu e tu candeia que me dava luz,
Era apaixonada e tu corpo que me seduz,
Era sóbria e tu inundaste-me com o teu vinho.

Era casa transparente de ausência que tu habitaste,
Era barco à deriva que tu levaste para porto seguro,
Era amor, que aos poucos tu tornaste obscuro,
Era eu finalmente, e tu descartaste-te…

E voltou a ser negra a solidão da madrugada escura…

Miss Kitty

Anúncios

Autor: misskittypt

Quando a poesia das palavras tem a capacidade de te mudar... Inspira-te… Recria-te… Reinventa-te… Revela-te… E faz de ti a melhor obra de arte… Pois quando revelas a tua essência só poderá originar uma obra-prima! Miss Kitty

17 opiniões sobre “Era…”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s