Seduzes-me…

Palavras que pensas ditas ao vento, que evocam todo o meu sentimento, me enfeitiçam e despojam, ilusão em mim forjam, me despem a Alma, fazem perder a calma, na ânsia de um toque teu, num desejo que é tão meu, de me poderes acalmar e eu nos teus braços poder-me saciar.
Continuar a ler “Seduzes-me…”

Anúncios

Onde foi?

Onde foi que me perdi?
Terá sido nos mares, luares ou nos ventos,
ou na alma que sem querer despi,
e trajei de dores de ais e lamentos. Continuar a ler “Onde foi?”

Entrelinhas…

Quero cada curva, dessa pele que é tão tua, desse corpo perfeito, que ninguém pode pôr defeito, que me deixa a alma nua, e me acelera o peito, que é pedaço de mau caminho, neste jogo tão perigoso, tão deliciosamente caprichoso, e tento ganhar com jeitinho. Continuar a ler “Entrelinhas…”

Sobra em ti…

Sobra em ti tudo o que me falta, tudo o que preciso e que o melhor de mim exalta, o desassossego que cativa e liberta, a Paz sentida que me dá tanta calma, o cheiro de flor madura e aberta, que me inebria e eleva a Alma e pouco a pouco a mente desperta. Continuar a ler “Sobra em ti…”

Postagem Coletiva: Enfim encontrei…

Este post é a minha colaboração deste mês numa das actividades do Projeto Escrita Criativa

Enfim encontrei

Porque nunca deixei de acreditar desde que te li, só me ocorre dizer uma palavra para o arrepio que senti, ao coração negro que sem esperar iluminei, ao Anjo caído que ressuscitei, é palavra pequena, carregada de significado, mas nem sequer vale a pena, tentar explicar o inexplicado. Continuar a ler “Postagem Coletiva: Enfim encontrei…”